Ir para conteúdo


Foto

Wiko já vendeu 400 mil smartphones em Portugal e vai chegar em breve aos operadores


  • Please log in to reply
1 resposta neste tópico

#1 paulo3redes

  • Membro Graduado

  • PipPipPipPipPip
  • 6604 posts
  • Localidade:ELVAS (Alto Alentejo)
  • Telemóvel: Sony Ericsson Vivaz
  • Rede: MEO

Postado 21 Outubro 2015 - 10:28

SITE OFICIAL: http://pt.wikomobile.com

 

 

 

A Wiko, que tem apostado exclusivamente no mercado dos smartphones livres de operador, diz que até ao final do ano a situação será invertida. A estratégia faz parte do reposicionamento da marca no mercado português.

 

Em agosto de 2013 a Wiko anunciava na IFA - uma das maiores feiras de eletrónica de consumo - a sua expansão para Portugal. Dois anos depois, a marca francesa de origem chinesa já vendeu mais de 400 mil smartphones no mercado português. O número foi partilhado pelo diretor-geral, Manuel Ferreira, em conferência de imprensa.
 
“O factor preço foi determinante no lançamento da Wiko e ainda hoje é uma mais valia”, garantiu o responsável da marca. “A Wiko está para os telemóveis como as calças de ganga estão para a moda", atreveu-se a dizer o responsável.
 
A afirmação tem por base não só as vendas que a empresa tem conseguido no mercado português, como a segunda posição consolidada no segmento dos smartphones livres de operador. Nos últimos 18 meses, o segundo lugar foi sempre da Wiko, sem exceção.
 
A Samsung ocupa a primeira posição deste mercado e para Manuel Ferreira os objetivos da Wiko passam por “consolidar a segunda posição à medida que se vai construindo marca”. “Tivemos um crescimento muito grande”, concluiu.
 
Mas agora que o crescimento não é tão desenfreado como foi nos primeiros meses da marca em Portugal, a Wiko pode trabalhar noutras estratégias. E uma das novidades partilhadas hoje, 20 de outubro, é a de que até ao final do ano a marca vai ter equipamentos nos operadores de telecomunicações.
 
“Em 2014 decidimos não entrar nos operadores. Toda a dedicação era pouca para garantir o crescimento sustentável que existia no mercado livre. Agora estamos a falar com os operadores e até ao final do ano teremos novidades da wiko dentro dos operadores de telecomunicações”, garantiu Manuel Ferreira.
 
Wiko não vacila
O mercado dos smartphones de gama média em Portugal intensificou-se nos últimos trimestres. Além da Wiko, a BQ também tem apresentado uma estratégia interessante, a Sony continua a ter bastante força neste segmento, a Huawei também está a marcar posição e no último ano a Motorola e a Asus ainda vieram reclamar a sua ‘quota parte’.
 
O diretor geral da Wiko Portugal descartou a ideia de que tanta concorrência tenha tido um impacto negativo na atividade da marca. E os resultados estão à vista - e cada vez mais reforçados, agora com três novos smartphones.
 
A título de curiosidade, Manuel Ferreira partilhou com o TeK que o Wiko Ridge e o Wiko Lenny foram os modelos que melhor venderam junto dos portugueses.
 


#2 paulo3redes

  • Membro Graduado

  • PipPipPipPipPip
  • 6604 posts
  • Localidade:ELVAS (Alto Alentejo)
  • Telemóvel: Sony Ericsson Vivaz
  • Rede: MEO

Postado 21 Outubro 2015 - 10:31

Wiko celebra segundo aniversário em Portugal da melhor maneira que sabe: lançando novos smartphones

 

650_1200.jpg

 

No início de novembro a Wiko vai fazer chegar ao mercado português mais três smartphones que vêm complementar o catálogo de equipamentos que a marca já disponibiliza. E o nome Wiko Fever é aquele que vai querer lembrar caso seja um utilizador mais exigente.

 

A Wiko está a celebrar o seu segundo ano em Portugal e os responsáveis da empresa estão satisfeitos: pouco tempo depois de se terem estreado, subiram ao segundo lugar de marcas que mais vendem no mercado livres de smartphones e desde então nunca mais saíram de lá. De acordo com o diretor-geral da Wiko Portugal, Manuel Ferreira, nos últimos 18 meses o segundo lugar foi sempre uma garantia para a marca francesa de origem chinesa.
 
Para ajudar a cimentar esta posição e em jeito de celebração deste segundo aniversário, a Wiko vai fazer chegar ao mercado português três novos smartphones: Wiko Pulp, Wiko Pulp Fab e Wiko Fever.
 
De todos, o Fever é o que mais se destaca por apresentar especificações interessantes tendo em conta o preço de 249 euros. O ecrã é Full HD de 5,2 polegadas, o processador é de oito núcleos, há 16GB de armazenamento interno e 3GB de RAM, havendo ainda lugar para um sensor fotográfico de 13 megapíxeis e para um chip que suporta redes 4G.
 
Os outros dois smartphones apresentam especificações mais modestas, mas os preços também são mais acessíveis.
 
O Wiko Pulp tem um ecrã de cinco polegadas com resolução HD, processador de oito núcleos a 1,4Ghz, 16GB de armazenamento interno e 2GB de memória RAM. A câmara principal é de 13 megapíxeis e a câmara para as selfies garante imagens com cinco megapíxeis. O preço é de 179 euros.
 
Já o Wiko Pulp Fab tem as mesmas especificações, sendo a única diferença o ecrã de 5,5 polegadas. O preço será de 199 euros.
 
Todos os smartphones vêm equipados com a versão 5.1 do Android, com Manuel Ferreira a garantir em conferência de imprensa que a marca vai agora começar os primeiros testes com o Android Marshmallow, não sendo certo quais os modelos da Wiko que vão migrar para a nova versão do sistema operativo móvel da Google.
 





0 usuário(s) está(ão) lendo este tópico

0 membro(s), 0 visitante(s) e 0 membros anônimo(s)